Espaço Público COMUNIDADE

 

INTRODUÇÃO

 

O presente projeto objetiva apresentar o Projeto Estrela Azul, bem como dimensionar as necessidades de investimentos a serem alocados, com o intuito de buscar os recursos necessários à sua execução.

Está apresentado em duas partes: na primeira, estão informações sobre o Estrela Azul: caracterização, objeto social e um histórico do clube. Na segunda parte é apresentado o Projeto Estrela Azul: seu objetivo, a que se destina e como será executado.

 

PRIMEIRA PARTE

CARACTERIZAÇÃO DA PROPONENTE

 

O Estrela Azul se qualifica conforme especificado:

 

Nome

Estrela Azul Futebol Clube

CNPJ

85.170.751/0001-09

Endereço

Rua São Sebastião, s/n – Bairro Sul do Rio – Santo Amaro da Imperatriz – SC

Forma jurídica

Sociedade civil de direito privado, sem fins lucrativos e econômicos.

 

Estatuto Social, aprovado pela Assembleia Geral Extraordinária em 02/03/2012, registrado no Ofício do Registro Civil de Títulos e Documentos de Pessoas Jurídicas, sob o número 001509, às fls. 283, no livro A-008, em data de 01.10.2012 – Santo Amaro da Imperatriz-SC.

Fundação

20 de novembro de 1974

Especificidade

Declarado de Utilidade Pública Municipal, pela Lei n. 881 de 23 de outubro de 1991;

 

Declarado Utilidade Pública Estadual, pela Lei n. 8.445 de 04 de dezembro de 1991.

Prazo de duração

Indeterminado

Dados Bancários

Banco: 001-9 Banco do Brasil

Agência: 2.600-X – Santo Amaro da Imperatriz

Conta corrente: 50.615-X

Contato

(48) 9644-6519 – Jaime Pedro Folster – 1º Secretário – O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.

 

- O Estrela Azul está localizado defronte a escola Sul do Cubatão (que atende crianças do Ensino Fundamental I);

- É um dos principais pontos de referência da comunidade do Sul do Rio; 

- Também está próximo da divisa com o município de Palhoça, onde atende parte do bairro Alto Aririu.

 

Objeto Social

O Estatuto Social do Estrela Azul, aprovado pela Assembleia Geral Extraordinária em 02/03/2012 devidamente registrado no Ofício do Registro Civil de Títulos e Documentos de Pessoas Jurídicas, sob o número 001509, às fls. 283, no livro A-008, em data de 01.10.2012, no artigo 1º determina: 

 

O ESTRELA AZUL FUTEBOL CLUBE tem por finalidades:

a) Dirigir, difundir, incrementar e aperfeiçoar a prática do esporte amador, nas mais diversas modalidades, na localidade sede, no município de Santo Amaro da Imperatriz, no Estado de Santa Catarina e no País;

b) Promover atividades culturais, educativas, recreativas e sociais que visem o bem estar de seus sócios e da comunidade em geral do município de Santo Amaro da Imperatriz;

 

c) Promover, manter e incentivar o intercâmbio e o bom relacionamento entre a sociedade e entidades de esporte, cultura, educação, recreação e social, e aos órgãos governamentais relacionados a sociedade.

 

Diretoria / Administração

A administração da sociedade é exercida por seis Diretores e respectivos Vices, sendo todos eleitos por voto secreto, para um período de dois anos.

 Mandato: 18 de abril de 2014 a 18 de abril de 2016:

 

Cargo

Nome

Fone (48)

Presidente

Sérgio Murilo Horstmann

9992-2452

Vice-presidente

Daniel Francisco Horstmann

 

Diretor Financeiro

Édio Luiz Machado

9911-8714

Vice-diretor Financeiro

Mizael Antônio dos Santos

9123-5306

Diretor Secretário

Jaime Pedro Folster

9644-6519

Vice-diretor Secretário

André Loch

 

Diretor de Esportes

Sergio João da Silva

8412-2213

Vice-diretor de Esportes

José Adeli da Silva

 

Diretor Social

Dalmir Seemann

9912-2999

Vice-diretor Social

Claudionei Loch

9161-7466

Diretor de Patrimônio

Pedro Sérgio Machado

3245-5281

Vice-diretor de Patrimônio

Rafael Juliano da Rosa

8407-8269

 

Sede Esportiva e Social

A sede esportiva é composta pelo campo de futebol e vestiários. O campo de futebol está em terreno do espólio de duas famílias, que cederam o local para as instalações do clube desde a sua fundação.

 

 

A Sede Social é composta de uma edificação de alvenaria e é utilizada para atendimento nos dias de jogos e para as ações com a escolinha de futebol. Está construída em imóvel próprio (porém ainda não escriturado). Em situação precária, faz-se necessária sua reforma e ampliação, bem como dos vestiários, redes de proteção, entre outros e, principalmente, criação de espaço adequado para atividades sociais e culturais.

 

Sede Social

Longino Hortmann

Campo de futebol

Estádio Emílio Horstmann

  

Histórico do Estrela Azul 

Para melhor entender o Estrela Azul, vamos situá-lo na história em três fases: a) A construção de um time; b) A construção de um cube; c) A construção de um espaço de Lazer (apresentado na 3ª parte deste projeto). 

 

Primeira Fase

A CONSTRUÇÃO DE UM TIME

 

A fundação do Estrela Azul se deu pela iniciativa de algumas pessoas da comunidade do Sul do Rio, em Santo Amaro da Imperatriz e do Alto Aririu, no município de Palhoça, face a carência de opções para o lazer existentes na época. A data de sua fundação consta de 20 de novembro de 1974, mas conforme relatos de alguns de seus fundadores, os primeiros jogos do time ocorreram cerca de três a quatro anos antes.

As atividades de lazer, na época, pouco existiam. Assistir a uma partida de futebol era uma das poucas opções de lazer para os moradores e, para os atletas, além de uma forma de lazer, era uma prática desportiva. Com a formação do time Estrela Azul, a comunidade ganhou essas duas opções.

O terreno para a construção do campo foi cedido pelos irmãos Hemílio e Longino Horstmann, que também incentivaram e participaram da criação do time, em conjunto com vários moradores da comunidade. Para a construção do campo tiveram de ser retiradas árvores do local, feito o nivelamento do terreno e o plantio da grama, tudo isso utilizando somente com ferramentas manuais.

Além do campo, foi construído um pequeno “barraco” que servia de bar para a venda de bebidas aos atletas e à torcida, sendo esta a fonte de arrecadação para as despesas do time.

O time era formado quase que exclusivamente por atletas que moravam perto do campo, tornando-se assim um local de encontro familiar.

 

Equipe principal do Estrela Azul – 1º uniforme

 

Aos poucos o time foi sendo conhecido, pelo talento dos jogadores e pelas vitórias que se acumulavam nas participações locais e regionais.

Esse período durou até meados do ano 1991, quando a estrutura física já estava insuficiente para atender os anseios do time e acomodar seus torcedores.

 

Segunda Fase

A CONSTRUÇÃO DE UM CLUBE

 

Com o crescimento do time e principalmente pela participação nos campeonatos vinculados a Federação Catarinense de Futebol, necessitava-se melhorar a estrutura física: campo, vestiários e bar.

Várias promoções começaram a serem feitas para a arrecadação de recursos financeiros: festivais esportivos, bingos, festas, mensalidades e doações. Também se fez uma ampla campanha na comunidade para o envolvimento de mais pessoas no clube. 

Com os recursos financeiros, mobilização e animação das pessoas foram realizadas as seguintes obras:

- Ampliação e terraplanagem do campo e plantio de um novo gramado;

- Instalação do alambrado;

- Construção de novos vestiários; 

- Construção da sede/bar.

 

 

 Com essas obras o clube ganhou maior destaque e pode oferecer uma melhor infraestrutura para os atletas e moradores.

Além da estrutura física, teve início a outras ações, sendo que algumas funcionam até o momento no clube:

- ESCOLINHA DE FUTEBOL: 

Um dos projetos mais importantes no clube.

O Estrela Azul foi o primeiro clube de futebol do município a ter esta iniciativa. Em 1996, com recursos próprios o Estrela Azul  contratou um profissional para dar aula de futebol de campo a crianças e adolescentes. As aulas eram realizadas aos sábados pela manhã e havia um acompanhamento de todos os alunos. Foi firmada uma parceira com as escolas próximas onde se acompanhava as notas dos alunos. A cada bimestre escolar os alunos traziam a caderneta escolar com as notas que eram anotadas na ficha do atleta. Semestralmente era realizada, no local dos treinos, uma palestra com uma orientadora escolar, objetivando o intercâmbio da escola (aluno) com o clube (atleta). O projeto foi interrompido por cerca de três anos, voltando a funcionar em 2010.

 

    

 

Em 2010 a escolinha de Futebol voltou a funcionar em parceria com a Prefeitura Municipal que fornecia o instrutor e o clube as instalações. As aulas acontecem todas as terças-feiras, no período da manhã e da tarde e; e aos sábados pela manhã. Os alunos são crianças e adolescentes da comunidade e localidades próximas, com idade entre 7 a 17 anos.

Atualmente (maio/2014) a Escolinha de Futebol está paralisada por falta de recursos financeiros. Solicitação já foi feita no início do ano à Prefeitura Municipal para a disponibilidade de um instrutor, mas até o momento não foi dado resposta.

A atual Diretoria vem trabalhando na busca de parceiros para dar andamento no Projeto da Escolinha. 

- Show de calouros: Um dos eventos já tradicionais no município na época eram os “shows de calouros”. Evento musical que reunia principalmente os jovens. O Estrela Azul, também, foi o primeiro clube de futebol a realizar um evento como este. Com a participação de músicos locais trouxe para o evento, além dos jovens, todos os moradores da comunidade, especialmente os casais. Com esta iniciativa, o clube começava a se destacar como uma organização de referência no município.

 

 

- Teatro de Fantoche: Para comemorar o aniversário de 20 anos de fundação (1994) foi realizada uma celebração religiosa na sede do clube. Após, foi apresentado, por atletas da escolinha de futebol e moradores, uma peça teatral de fantoche, contanto a história do clube com base nos relatos dos moradores.

- Jornal do Estrela Azul: Para divulgar as ações do clube, o Estrela Azul montou o seu jornal. No formato caderno em uma folha ofício eram publicados, também, informações sobre a comunidade.

- Festa Junina Comunitária: Tem como objetivo promover a integração das famílias da comunidade Sul do Rio. A comunidade do Sul do Rio possui vários grupos organizados, cada qual, trabalhando dentro de suas finalidades específicas. Como esses grupos compõem uma comunidade, se avaliou oportuna uma festa para: reunir e unir os grupos; para celebrar e festejar com os moradores da comunidade; bem como organizar e integrar os trabalhos desenvolvidos na comunidade.  Os produtos utilizados foram arrecadados na comunidade e não se cobrou por eles no dia da festa, que teve apresentações típicas de festas juninas, apresentação musical, e exposição de objetos antigos da comunidade. Atualmente a festa é organizada pela Associação de Moradores do Sul do Rio em conjunto com otras entidades do bairro.

- COSTELAÇO ESTRELA AZUL: Teve sua primeira edição em 2010 na sede esportiva do Clube com a participação de cerca 180 pessoas. 

 

   

 

Em 2011 o evento foi ampliado e obteve grande repercussão no município por sua organização. Apresentou-se no evento a Banda de Músicas do Município, sendo o Estrela Azul o primeiro clube de futebol a promover uma integração como essa.

 

   

 

Em 2012 o evento ocorreu em 16 de setembro com a participação de mais de mil pessoas, obtendo, mais uma vez, grande êxito; o que fez a Diretoria do Clube decidir pela inclusão em seu calendário anual.

 

   

 

 

Atualmente o Costelaço Estrela Azul é a atividade de maior impacto financeiro para o clube, mas, a festa também tem como objetivo: a integração entre as várias organizações do município e; ser um evento cultural. 

- Placas de publicidade: Em janeiro de 2010 foi lançado o projeto “Divulgue sua empresa no Estrela Azul”, que objetiva a venda de espaço publicitário. São placas medindo 2x1 metros alocadas no entorno do campo, divulgando informações da empresa. O investimento para o contratante é de um salário mínimo anual, sendo que o custo e manutenção das placas ficam a cargo do clube.

 

   

 

- Participação nos campeonatos: O clube também ganhou destaque na parte esportiva. Das participações nos campeonatos (Liga de Futebol Amador de Palhoça e Santo Amaro da Imperatriz) esteva sempre entre os quatros primeiros colocados. O Estrela Azul é a equipe que mais vezes foi campeã em Santo Amaro, tendo conquistado em 2010 mais um título de campeão na categoria adulto. Em 2012 foi campeão municipal nas categorias sub 12 e sub 15 – Escolinha de Futebol.

 

  

- Equipe de Juniores: O Estrela Azul vem trabalhando para a formação de sua equipe de juniores, com idade entre 16 a 20 anos. Com essa iniciativa se pretende: a) a formação de atletas da comunidade que atuem na equipe principal; b) o retorno das famílias no campo para prestigiar os atletas da comunidade; c) oferecer uma opção de lazer e esporte para os jovens da comunidade, minimizando os problemas com drogas e outras atitudes ilícitas.

Esse período do Estrela Azul na história se deu até final de 2009. Em abril de 2010 uma nova fase se inicia no clube. Com o crescimento da comunidade, início das discussões do Plano Diretor Municipal e a falta de espaços públicos no município, as discussões se passam sobre a necessidade da ampliação do espaço ocupado pelo clube e que contemplasse, além do futebol de campo, outros instrumentos de lazer.

Inicia-se, então, a terceira fase do Estrela Azul: A construção de um espaço de lazer na comunidade – O Projeto Estrela Azul.

 

SEGUNDA PARTE

O PROJETO ESTRELA AZUL

 

Objetivo

Transformar o atual campo de futebol, que é uma estrutura privada, em uma grande área de lazer pública para a comunidade.

Justificativa

Conforme disposto na constituição Federal, o Estado tem o dever de investir nas atividades que contemplam práticas desportivas. 

 

Art. 217. É dever do Estado fomentar práticas desportivas formais e não formais, como direito de cada um, observados:

I - a Altonomia das entidades desportivas dirigentes e

associações, quanto a sua organização e funcionamento;

II - a destinação de recursos públicos para a promoção prioritária do desporto educacional e, em casos específicos, para a do desporto de alto rendimento;

III - o tratamento diferenciado para o desporto profissional e o

não profissional;

IV - a proteção e o incentivo às manifestações desportivas de

criação nacional.

Fonte: Constituição Federal do Brasil

 

Ao fazermos uma análise sobre os espaços públicos para a prática esportiva, e lazer no município, constatamos a sua carência. O município consta apenas de uma Praça Pública e um ginásio de esportes aberto ao público em geral (os demais ginásios fazem parte do complexo das escolas). Considerando que esses espaços estão localizados no centro do município, as comunidades periféricas enfrentam ainda, maior carência sobre a disponibilidade desses espaços.

Diante essa constatação, a Diretoria do Estrela Azul considerou que essa realidade deveria mudar. Sabe-se das dificuldades que os municípios pequenos enfrentam para manter a máquina pública funcionando e os investimentos na área do esporte e lazer acabam ficando para segundo plano.

Ao mesmo tempo, organizações como o Estrela Azul enfrentam dificuldades, principalmente financeiras, para fazer cumprir suas finalidades; bem como o setor privado tem suas limitações para investimentos.

Assim, uma das saídas para mudar este quadro é a parceria entre os setores da sociedade. O Projeto Estrela Azul visa a integração entre os três setores sociais: Governos (Federal, Estadual e Municipal); Empresas; e as Organizações do Terceiro Setor.  Cada qual executando uma parte do projeto cumprirá seu papel social, refletindo em melhores condições de vida a todos os moradores. 

 

Terceira Fase

A CONSTRUÇÃO DE UM ESPAÇO DE LAZER

 

Coordenado pelo Primeiro Secretário do Clube, Jaime Pedro Folster, iniciou-se um trabalho no Estrela Azul e na comunidade do Sul do Rio para: i) mobilizar a comunidade para a organização e cidadania; ii) Disponibilizar instrumentos de lazer e; iii) buscar das Autoridades competentes investimentos na área do esporte, cultura e lazer.

Mas algumas questões ainda precisavam ser melhor avaliadas, para que se desse início a um projeto dessa abrangência: i) essa era uma necessidade das pessoas envolvidas com o Estrela Azul ou por toda comunidade? ii) que instrumentos de lazer seriam necessários? iii) os moradores da comunidade estariam dispostos a participar desse projeto?

Para responder a estas questões, partiu-se para uma pesquisa de campo com os moradores da comunidade. Foi elaborado um questionário com perguntas fechadas e uma “carta aberta à comunidade” explicando os objetivos da pesquisa.

A carta aberta à comunidade e o questionário foram entregues de casa em casa nas localidades de Sul do Rio de Baixo, Braço São João, Alto Aririu e Morro dos Quadros. Em cada casa era brevemente explicado o objetivo da pesquisa, sendo entregue uma carta por casa e um questionário por morador. 

Após a entrega dos questionários, passou-se novamente em todas as casas para recolher, totalizando 344 questionários respondidos. Após a avaliação dos questionários se pode comprovar o desejo dos moradores e ter a certeza que o Projeto Estrela Azul seria viável e possível. A seguir apresentamos o resultado das perguntas: 

 

Você considera importante a construção de um local público em nossa comunidade onde existissem, num mesmo espaço, instrumentos do tipo:

SIM

NÃO

Campo de futebol com iluminação e arquibancada

95%

5%

Pista de Skate

83%

17%

Ginásio de Esportes

94%

6%

Salão para realização de eventos sociais e culturais (festas de aniversários, casamentos, apresentações teatrais e outras atividades educativas). Sala para jogos (tênis de mesa, pebolim, bilhar, xadrez, etc)

99%

1%

Uma praça pública, com espaço para o lazer e a prática de atividades físicas voltadas à terceira idade (academia ao ar livre)

98%

2%

 

Você considera que um projeto como esse deva ser:

Exclusivo de um clube de futebol:

1%

Público, de toda comunidade:

99%

 

Você considera que os poderes públicos (municipal, estadual e federal) devam participar da construção desse projeto?

Sim

99%

Não

1%

 

Você estaria disposto a participar da construção desse projeto?

Sim

75%

Não

25%

 

Diante dessa constatação, foi mobilizada as autoridades do município repassando a necessidade da comunidade e, realizada uma apresentação na sede do clube sobre o Projeto Estrela Azul. Fez-se a chamada da comunidade por um convite entregue a todos os moradores bem como a todas as autoridades do município.

A demanda apresentada foi sobre a construção de uma infraestrutura de lazer para atender todos os moradores da comunidade, que contemplasse:

- Campo de futebol (com arquibancada, iluminação e vestiários);

- Sede Social: para eventos sociais (casamentos aniversários, festas comunitárias); culturais (aulas e apresentações teatrais e outras atividades); educativos (aulas de informática, atividades com grupos da terceira idade, jovens, adolescentes e crianças);

- Ginásio de esportes; 

- Academia de musculação;

- Pista para caminhadas; Pista de skate; Estacionamento.

- Praça Pública.

A seguir apresentamos a maquete do projeto conforme resultado da pesquisa realizada na comunidade.

 

   

 

Situação atual

O resultado desse ato concretizou no Projeto de Lei nº 113/2011, apresentado pelo vereador Manoel Eugênio Bossle (Maneca) e na aprovação da Lei n. 2202, de 02 de dezembro de 2011.

 

LEI Nº 2202, de 02 de dezembro de 2011.

ALTORIZA O PODER EXECUTIVO A DECLARAR ÁREA DE ESPECIAL INTERESSE SOCIAL, PARA FINS DE DESAPROPRIAÇÃO, O TERRENO QUE MENCIONA E DÁ OUTRAS PROVIDÊNCIAS.

O Prefeito do Município de Santo Amaro da Imperatriz, Estado de Santa Catarina, Faço saber que a Câmara Municipal aprovou e eu sanciono e promulgo a seguinte Lei:

Art. 1º - Fica o chefe do Poder Executivo Municipal, Altorizado a declarar como Área de Interesse Esportivo, Social e Cultural, para fins de desapropriação, a área de, aproximadamente, 01(um) hectare, localizada na Rua São Sebastião - Sul do Rio, neste Município, identificada como "campo de futebol do Estrela Azul", de propriedade afirmada de espólio de Longino e Emilio Horstmann, tendo a área total a Inscrição Imobiliária nº 01.02.0480.629.

Art. 2º - Para a área com desapropriação proposta no art. 1º fica definida a implantação de praça esportiva, a ser equipada para atender as seguintes finalidades:

I - promover a iniciação esportiva para crianças e adolescentes;

II - propiciar a prática de esporte, de forma orientada, para jovens e adultos;

III - promover atividades para grupos de terceira idade, incluindo ginástica e esportes orientados, bem como práticas de lazer e convívio social;

IV - ofertar espaços e equipamentos que propiciem a prática de esportes, lazer e convívio social aos frequentadores.

Parágrafo Único - Para desenvolvimento e gestão das atividades, fica Altorizada a cessão, por comodato, a entidade que tenha em seus objetivos estatutários, alguma das finalidades previstas no art. 2º.

Art. 3º - Após sanção desta Lei, o Poder Executivo Municipal, declarará de Utilidade Pública a área mencionada, bem como os prédios edificados para fins que o destina, devendo o Município, imediatamente, iniciar o processo de desapropriação, cabendo acordo judicial ou amigável nos termos do art. 5º, do Decreto-Lei Federal nº 3.365, de 21 de junho de 1941.

Art. 4º - Nos termos do art. 15 do Decreto-Lei nº 3.365, de 21 de junho de 1941, modificado pela Lei nº 2.786, de 21 de maio de 1956, fica o expropriante Altorizado a alegar caráter de urgência para o fim de imissão de posse na área desapropriada.

Art. 5º - Fica igualmente Altorizado, a abrir os créditos adicionais necessários para fazer face às despesas decorrentes com a implantação desta Lei.

Art. 6º - Esta Lei passará a vigorar a partir da data de sua competente publicação.

Art. 7º - Revogadas as disposições em contrário.

Santo Amaro da Imperatriz, 02 de dezembro de 2011

EDÉSIO JUSTEN

Prefeito Municipal

Registrada e publicada na data supra

JOSÉ AUGUSTO BECKER

Secretário Interino da Administração, Finanças e Planejamento

Fonte: http://www.leismunicipais.com.br/cgi-local/showinglaw.pl

 

A área que contempla a Lei se refere ao local do campo bem como o local para a construção da nova sede social. O processo de desapropriação já foi iniciado e os proprietários já estão sendo indenizados pelo município. O valor total da desapropriação foi de R$370.000,00, sendo que foi pago R$70mil em 2012 e saldo restante em 30 parcelas de R$10mil mensais, tendo iniciado a primeira em maio de 2013.

Sobre o terreno desapropriado está edificada a casa da Sra. Sônia Hortmann (que é uma das herdeiras proprietária), a qual não fez parte da indenização, ficando de responsabilidade do Estrela Azul a construção da edificação em outro local. Para isso a Diretoria do Estrela Azul vem mobilizando a comunidade e realizando eventos para a busca de recursos financeiros. 

A construção da casa da Sra. Sônia teve início em fevereiro de 2013, e a obra, gerenciada pelo Estrela Azul, foi entregue em dezembro do mesmo ano.

 

   

Antiga casa da Sra. Sônia. Ao lado: Presidente do Clube Sérgio Hosrtmann, gerenciando a obra. Abaixo casa entregue.

 

 

 

Será necessário ainda, a desapropriação de área anexa ao campo para a construção da Praça Pública e os demais instrumentos, bem como o início da construção de toda a infraestrutura.

Recursos financeiros

Pretende-se viabilizar os recursos financeiros para construção da sede e demais instrumentos, com a parceria dos três setores sociais: 

 

i) O Estrela Azul tem se viabilizado com a dificuldade inerente a este tipo de entidade, mas com a dedicação de  sua Diretoria e o voluntariado de pessoas da comunidade, vem conseguindo manter sua estrutura esportiva e acumulando receitas. No seu planejamento a Diretoria definiu como estratégia, a redução máxima dos gastos, concentrando esforços nos projetos de arrecadação financeira para a realização do Projeto Estrela Azul. O resultado financeiro do 3º Costelaço Estrela Azul foi investido na construção da casa da Sra. Sônia Horstmann. Em 2013 o Estrela Azul realizou um Almoço Beneficente e uma Ação entre Amigos e o 4º Costelaço.

ii) O setor empresarial vem participando com descontos, doações, patrocínios com placas de publicidade e nos eventos promovidos pelo clube. Se pretende ainda a organização de um evento com a classe empresarial, para a apresentação do Projeto Estrela Azul, objetivando aproximar a parceria desse setor.

iii) Município, Estado e Governo Federal também devem participar do Projeto. O município já vem alocando recursos do orçamento para a desapropriação da área do campo e; pela inscrição de projetos junto aos governos Estadual e Federal, também se pretende a busca de recursos. 

 

Orçamento básico das necessidades e Cronograma prévio

Em relação ao projeto total, os valores estão estimados. Pela amplitude e abrangência projeto, consideramos que o mesmo deva ser executado em etapas. A medida que se realiza uma etapa, deve se fazer nova avaliação para a sua continuidade. Assim, estimamos o seguinte orçamento e cronograma.

 

Descrição

Valor – R$

Cronograma prévio

Desapropriação da área do campo: aproximadamente de 1 hectare. Processo iniciado pela Prefeitura Municipal.

370.000,00

R$ 70 mil foi pago em 2012 pela Prefeitura Municipal e R$ 300 mil a ser pago em 30 parcelas, inicio da primeira em maio/2013. Último pagamento em maio de 2015.

Construção da casa da Sra. Sônia. Obra gerenciada pelo Estrela Azul

68.941,05

Total da obra: R$68.941,05, sendo: R$ 25 mil - com recursos da Sra. Sônia;

R$7.963,55 - parcerias com o setor privado – doações.

R$35.977,50 – recursos do Estrela Azul.

Início da obra: Fev/2013. Entrega em dezembro de 2013.

Construção da sede social: Térreo, Dois pavimentos - área total de 1.500 m2

1.800.000,00

2013/2014 – Elaboração de projetos para busca de recursos junto aos Governos Estadual e Federal.

Desapropriação da área para a construção da Praça Pública e outros instrumentos de lazer.

150.000,00

Valor estimado em 2013 comparativo a desapropriação de área equivalente ao campo. A ser desapropriado pelo Poder Publico Municipal.

Mobília da sede, reforma do campo e alambrado, construção arquibancada e iluminação.

Não orçado

Após a conclusão da sede social

Construção da praça e demais instrumentos de lazer.

Não orçado

Após a aprovação dos projetos.

Total (estimado inicial)

2.388.941,05

 

 

Anexos

A seguir, documentos e reportagens sobre o Estrela Azul.

 

 

 

 

Copyright © 2014 ESTRELA AZUL FUTEBOL CLUBE.
Todos os direitos reservados.